Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Prêmio principal da Nota Goiana sai para morador de Jataí

O bilhete premiado foi sorteado eletronicamente entre os mais de 1,8 milhão de bilhetes gerados a partir das notas fiscais com CPF dos consumidores inscritos...

Com apenas dois bilhetes, o morador de Jataí, Paulo Ricardo Alves Barbosa, foi o ganhador do prêmio de R$ 200 mil (valor bruto) no 37º sorteio da Nota Fiscal Goiana, realizado nesta quinta-feira, dia 22, pela Secretaria da Fazenda.

O bilhete premiado foi sorteado eletronicamente entre os mais de 1,8 milhão de bilhetes gerados a partir das notas fiscais com CPF dos consumidores inscritos. A entidade ganhadora do prêmio social, no valor de R$ 50 mil, foi a Casa de Apoio São Luiz, de Aparecida de Goiânia.

Paulo Ricardo está inscrito na Nota Goiana desde julho de 2015, primeiro ano do programa. Além dele, também foram sorteados, como ocorre mensalmente, outros 150 consumidores para os prêmios de R$ 500 e de R$ 1 mil (valores brutos).

Durante o sorteio, o coordenador do Programa Nota Fiscal Goiana, Leonardo Vieira de Paula, ressaltou a participação dos consumidores do interior. “Mais da metade dos ganhadores são moradores de 27 cidades”, detalha o coordenador. Confira aqui os nomes de todos os premiados.

Os bilhetes gerados para esta premiação são referentes às compras realizadas no mês de dezembro com o CPF na nota fiscal. “O ganhador do prêmio principal do sorteio de hoje concorreu com apenas dois bilhetes gerados a partir de uma única compra. Cada R$ 100 em compras com o CPF equivale a um bilhete”, detalha o coordenador. O sorteado deve acessar o site www.nfgoiana.sefaz.go.gov.br e preencher o formulário com dados da conta bancária de sua titularidade para onde a Sefaz irá transferir o dinheiro quando for efetuar o pagamento.

Prêmio Social
Como o ganhador do prêmio de R$ 200 mil não havia indicado a instituição, foi realizado sorteio entre as demais indicadas pelos ganhadores dos prêmios de R$ 1 mil e R$ 500, como prevê o regulamento do programa. Foi contemplada a Casa de Apoio São Luiz, de Aparecida de Goiânia. As instituições são escolhidas, previamente ao sorteio, pelos consumidores inscritos entre as mais de 470 cadastradas na Secretaria Cidadã, pelo site www.nfngoiana.sefaz.go.gov.br.

O sorteio foi acompanhado pelos fiscais do Procon Estadual, Guilherme Silva Júnior e Antônio Alberto de Oliveira, além do superintendente de Informações Fiscais, Alaor Soares Barreto, o gerente Leonardo Meneses e outros servidores da Sefaz.

Fonte: Comunicação Setorial – Sefaz

Prefeitura lança 2° Campanha Liquida Jataí durante Encontro Empresarial

Na última quarta-feira (21), foi realizado, na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), o lançamento oficial da 2° Campanha Liquida Jataí durante o Encontro Empresarial promovido pela Prefeitura, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em parceria com entidades classistas e instituições do Sistema S.

Estiveram presentes o secretário de Desenvolvimento Econômico, Francis Barros, o presidente do Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil – SICOOB / COOPREM, Ademar Freitas, a analista técnica do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE, Heloene Vicente de Miranda Leal, e ainda cerca de 65 empresários e empreendedores do município.

Na ocasião, as empresas parceiras apresentaram aos presentes os benefícios e as oportunidades àqueles que fizerem parte da campanha, momento em que também foi lançada a 2º Campanha Liquida Jataí, que será realizada entre os dias 09 e 14 de abril, com o objetivo de incentivar as compras do comércio local num período de desaquecimento das vendas.

Também foi comunicado que os empreendedores e empresários da cidade interessados em se associar ao Liquida Jataí poderão procurar a sede da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, localizada na Praça da Bandeira, 1 – setor Central, em horário comercial, para se inscrever no projeto.

O evento foi encerrado com a palestra “Extinção ou Evolução? Quais os impactos das inovações no comércio local?”, que abordou questões sobre a evolução tecnológica, bem como seus impactos no mercado de trabalho, sobre a importância da inovação e do conhecimento sobre o próprio negócio, e ainda dicas de como o empresário pode se destacar e sobreviver no mercado.

Celulares irregulares habilitados a partir desta quinta-feira (22) estão sendo bloqueados em Goiás

Medida, que começa também no DF com aprovação da Anatel, será estendida a todos os estados até março de 2019

Por Agência Brasil
Os aparelhos irregulares habilitados a partir desta quinta-feira (22/2) nas operadoras de telefonia móvel em Goiás e no Distrito Federal serão bloqueados a partir do dia 9 de maio. As prestadoras dos serviços iniciam os testes do sistema de bloqueio para avaliar sua eficácia.

A medida, aprovada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), será estendida a todos os estados até março de 2019, e tem o objetivo de coibir o uso de telefones móveis não certificados, com IMEI (do inglês International Mobile Equipment Identity) adulterado, clonado ou outras formas de fraude.

Os usuários que já possuem aparelhos móveis irregulares habilitados não serão desconectados, caso não alterem o seu número. Segundo a Anatel, os celulares comprados no exterior continuarão funcionando no Brasil, desde que sejam certificados por organismos estrangeiros equivalentes à agência reguladora brasileira.

Todos os celulares em uso no Brasil devem ser certificados ou ter sua certificação aceita pela Anatel. Segundo o órgão, esses aparelhos passam por uma série de testes de segurança antes de chegarem às mãos do consumidor, para que o produto seja o mais confiável possível e não cause problemas à saúde, nem afete as redes de telecomunicações.

“Aparelhos irregulares podem ser perigosos para a saúde do usuário por apresentarem grande quantidade de chumbo e cádmio, não possuírem garantias em relação a limites de radiações eletromagnéticas e utilizarem materiais de baixa qualidade, como baterias e carregadores mais sujeitos a quebras. Além disso, eles tendem a apresentar problemas de queda de chamadas e falhas na conexão de dados”, explicou a agência reguladora.

Cada celular tem um número de identificação único e global, chamado de IMEI, que equivale, por exemplo, ao número de chassi de um carro, ou seja, é único para cada aparelho celular. Pelo número do IMEI é possível saber se há algum registro de impedimento no aparelho que você possui ou que pretende comprar. No site da Anatel, o usuário poderá verificar a situação do seu aparelho.

O número do IMEI do celular pode ser encontrado na caixa do celular, no adesivo que fica por trás da bateria ou ao digitar *#06# no celular. A Anatel orienta os consumidores a verificar, antes de comprar um celular, se esses números são os mesmos. Caso os números apresentados forem diferentes, há uma grande chance de o aparelho ser irregular. Celulares que utilizam mais de um chip possuem um IMEI para cada um, sendo necessário verificar cada um dos números.

Segundo a agência, cerca de um milhão de novos aparelhos entram nas redes das prestadoras todos os meses.

Roubos e furtos

Para o Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), além do bloqueio, devem ser adotadas outras medidas para o combate ao mercado irregular de telefone celular, reforçando a segurança dos aparelhos, no processo de fabricação, para evitar que sejam adulterados ou tenham o seu IMEI modificado ou clonado.

Segundo o sindicato, as prestadoras têm aperfeiçoado o controle dos equipamentos utilizados em suas redes e, desde o ano 2000, mantêm em funcionamento o Cadastro de Estações Móveis Impedidas (Cemi), um banco de dados que registra o número de IMEI do celular bloqueado por furto, roubo e extravio, impedindo que ele seja usado por outra pessoa.

Para bloquear um aparelho, o consumidor deve ligar para sua prestadora e fazer a solicitação. Não há mais necessidade de fornecer o IMEI, apenas o número do celular. Além disso, quem perdeu o celular e, depois de bloqueá-lo, reencontrou o aparelho, pode fazer o desbloqueio ligando novamente para a prestadora.

Entretanto, segundo o SindiTelebrasil, muitos desses aparelhos passam por um processo de fraude, tendo o IMEI adulterado ou clonado de um celular regular. “Hoje, o aparelho roubado ou furtado somente possui valor no mercado paralelo porque a clonagem do IMEI é fácil”, informou o órgão. “Essa é uma falha que só pode ser corrigida na origem, na fabricação dos equipamentos, implantando mecanismos de segurança, que impeçam a adulteração”.

Para o sindicato, deve haver um esforço conjunto do governo, da Anatel, dos fabricantes de aparelhos celulares e das prestadoras de telefonia celular para que haja evolução nas discussões deste problema e no combate ao mercado irregular.

Procedimentos de bloqueio

De acordo com a Anatel, quem habilitar um celular irregular nas redes das prestadoras de telefonia móvel receberá a mensagem: “Operadora avisa: Pela Lei 9.472 este celular está irregular e não funcionará nas redes celulares em 75 dias”. Essa mensagem deve ser enviada em até 24 horas da ativação do celular e a contagem dos dias será alterada na medida em que se aproximar a data do bloqueio. A mensagem também será encaminhada ao aparelho móvel 50 dias e 25 dias antes do bloqueio.

No dia 8 de maio, véspera do bloqueio, o celular irregular deve receber o seguinte SMS: “Operadora avisa: Este celular IMEI XXXXX é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares”.

Cronograma

A partir desta quinta (22), serão enviadas mensagens aos usuários que possuem aparelhos irregulares em Goiás e no Distrito Federal. O bloqueio desses aparelhos se dará a partir de 9 de maio. E, entre 8 de agosto e 22 de setembro, ocorrerá a fase de avaliação das medidas adotadas.

Para os usuários de aparelhos irregulares do Acre, Rondônia, São Paulo, Tocantins, Região Sul e demais estados da Região Centro-Oeste, as mensagens serão encaminhadas a partir de 23 de setembro. O bloqueio dos aparelhos será a partir de 8 de dezembro. A medida vale para aparelhos irregulares habilitados a partir de 23 de setembro nesses estados.

Já para a Região Nordeste e demais estados das regiões Norte e Sudeste, o encaminhamento de mensagens aos usuários será a partir de 7 de janeiro de 2019 e o impedimento do uso dos aparelhos irregulares a partir de 24 de março de 2019. A medida vale para aparelhos irregulares habilitados a partir de 7 de janeiro de 2019 nesses locais.

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Piscicultura será debatido na TECNOSHOW COMIGO

Piscicultura no Brasil deixa ‘fase romântica’ para se tornar negócio empresarial, afirma presidente da Peixe BR
Francisco Medeiros diz que para avançar, é preciso vencer a insegurança jurídica e a falta de legislação para o setor no país. Tema será debatido na TECNOSHOW COMIGO, em Rio Verde (GO)

Com produção primária de R$ 5,4 bilhões em 2017 e responsável pela criação de 1 milhão de empregos no Brasil, a piscicultura tem sido extremamente importante para o agronegócio brasileiro. A avaliação é do presidente da Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR), Francisco Medeiros. “Crescemos no ano passado uma taxa de 8%. Para um ano difícil como foi 2017 é um bom negócio, mas acreditamos em cenários de crescimento de dois dígitos nos próximos 10 anos”, ressalta. Mas para que o setor cresça ainda mais é preciso conhecer os aspectos legais da piscicultura. Por esse motivo, Francisco vai abordar o assunto no dia 10 de abril, às 15h horas, no auditório 2, em palestra na TECNOSHOW COMIGO, feira que será realizada de 9 a 13 de abril, em Rio Verde (GO).

Segundo ele, é necessário discutir o tema, por se tratar do maior empecilho para a implantação de piscicultura no Brasil. “É muito grande a insegurança jurídica da atividade decorrente de falta de legislação ambiental em alguns estados e legislações fora da realidade em outras. Muitos empresários perdem grandes oportunidades de negócios por desconhecer o segmento. Queremos também alertar as dificuldades que existem para que o piscicultor possa saná-los ainda na fase de planejamento”, diz. Entre os pontos da palestra, Francisco pretende destacar as grandes oportunidades que o segmento apresenta em termos de investimentos no agronegócio. “Estamos em uma fase importante de transição da piscicultura romântica para um negócio com perfil empresarial e regras de mercado”, afirma.

Cenários e perspectivas
Em 2017, Goiás não teve bons resultados na piscicultura, informa Francisco. “Houve uma redução na produção decorrente do nível do reservatório de Serra da Mesa, mas também da falta de definição que ocorreu em 2016 com relação a política tributária do ICMS. Isso inibiu o produtor de fazer novos investimentos”, enfatiza.

Ele ressalta que para avançar, o setor – não só em Goiás, mas em todo o país – precisa de legislação ambiental compatível com a realidade do agronegócio brasileiro e análises céleres dos processos de licenciamento. “Hoje, o país tem um déficit da balança comercial de pescado da ordem de R$ 1,3 bilhão de dólares. Temos que fazer investimentos e inverter essa balança comercial”, destaca. Para melhorar a competitividade, Francisco acrescenta que é necessário aumentar as escolas de produção e maior grau de tecnologia.

TECNOSHOW COMIGO
Considerada uma das principais feiras de tecnologia rural do Brasil e a maior do Centro-Oeste, a TECNOSHOW COMIGO chega à sua 17ª edição, em 2018, com a expectativa de realizar mais de R$ 1,7 bilhão em negócios – recorde apresentado na edição de 2017. Realizada pela Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano (COMIGO), o evento espera receber, neste ano, mais de 102 mil visitantes e 550 expositores de vários estados brasileiros e até de outros países, entre os dias 09 e 13 de abril, em uma área de 60 hectares do Centro Tecnológico COMIGO (CTC), em Rio Verde (GO). Durante os cinco dias de evento, serão apresentadas tecnologias e novidades em máquinas, veículos e equipamentos agropecuários, insumos e resultados de pesquisas, além de demonstrações e lançamentos de novas variedades de cultivares, plots agrícolas em vários experimentos, espaço ambiental, apresentações, palestras com especialistas renomados e dinâmicas de animais. Também serão disponibilizadas linhas de crédito e financiamento voltadas ao produtor rural, por meio de instituições financeiras, e atividades diversas pensadas para todos os envolvidos no agronegócio brasileiro.

UFG abre novas vagas para cursinho pré-vestibular para alunos de baixa renda

Divulgação
Projeto de extensão da UFG oferece aulas para estudantes de baixa renda. Inscrições podem ser feitas até esta quarta-feira (21)

Por Marcelo Gouveia
Estão abertas até esta quarta-feira (21/2) as inscrições para o Projeto de Extensão Cursinho Federal de Goiás, que oferece aulas para estudantes de baixa renda preferencialmente oriundos de escola pública, que tenham concluído o Ensino Médio ou que estejam cursando o terceiro ano. Os interessados devem comparecer ao Centro de Aulas da Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ), no Câmpus Samambaia, com identidade, comprovante de endereço e caneta preta. As inscrições são gratuitas.

Ao se candidatarem às vagas, os estudantes responderão a um questionário socioeconômico e deverão redigir uma redação. Nesse caso, o texto não terá caráter eliminatório e será usado somente para demonstrar a habilidade dos candidatos em relação à escrita em língua portuguesa.

A relação dos convocados para a primeira chamada será divulgada no dia 23/2. Para os selecionados, haverá uma taxa de matrícula no valor de R$250,00 e uma contribuição de duas resmas de papel A4.

As aulas terão início no dia 19/3 e serão ministradas de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h, e aos sábados, das 9h às 16h. Ao longo do ano, serão aplicados simulados aos domingos e feriados. Todas as atividades acontecem na EVZ.  Mais informações podem ser obtidas no telefone (62) 9 9260-8680.

Edital 2018 e anexo.

Projeto

O Cursinho Federal de Goiás é um projeto de extensão do Instituto de Química em parceria com a empresa Connect Math, incubada no Centro de Empreendedorismo e Incubação da UFG. As aulas são ministradas por alunos de graduação, mestrado e doutorado da Universidade.

Valéria Cristina Almeida, uma das coordenadoras da iniciativa, explica que o objetivo do Cursinho é contribuir para a aprovação dos estudantes nos processos seletivos da Instituição e, de forma mais ampla, despertar para uma visão crítica da sociedade por meio de oficinas e palestras.

SANEAGO: Comissão apresenta relatório de contrato ao Prefeito Vinícius Luz

Nesta segunda-feira (19), a Comissão de Acompanhamento, Fiscalização e Avaliação do contrato firmado entre município de Jataí e Saneago, que levantou informações quanto ao cumprimento do contrato que delega o saneamento básico em Jataí, se reuniu na prefeitura municipal com o prefeito Vinícius Luz, quando na oportunidade foi entregue às mãos do chefe do poder executivo municipal o relatório de estudos elaborado nos últimos meses, onde foi constatado o descumprimento do cronograma físico financeiro estabelecido.

Participaram além do prefeito, a vice Simone Oliveira Gomes, o procurador geral do município Leonardo Melo do Amaral, os secretários Eduardo Jailton Naves (segurança pública) e Adenones Agostinho de Freitas (meio ambiente), vereador Marcos Antônio, Antônio Carlos Barbosa presidente da OAB/ Subseção Jataí, Vitor Gaiardo presidente do Sindicato Rural, Sebastião Modesto presidente do Conselho Comunitário, Levi de Carvalho presidente da Unambataí, Adriano de Freitas presidente da ACIJ – Associação Comercial de Jataí e Lázaro Leal presidente a CDL – Câmara dos Dirigentes Lojistas.

O documento elaborado pela comissão coordenada pela Vice Prefeita Simone Oliveira Gomes, com apoio de técnicos do Ministério Público e Secretaria de Meio Ambiente sugere à Vinícius Luz algumas medidas por parte do executivo municipal que objetivam obrigar e regular a prestação dos serviços acordados no contrato com o município.

O Prefeito Vinícius Luz anunciou que irá acatar as sugestões feitas pela comissão, e que em breve comunicara as medidas para a sequência dos trabalhos que envolvem as questões da Sanego em Jataí.

Universidade Federal de Jataí aprovada na Comissão de Educação do Senado

Comissão de Educação aprova criação de universidades federais em Catalão e Jataí

Por Marcelo Gouveia/Opção
Projetos seguem para a votação no Plenário do Senado em regime de urgência

Os projetos de lei que criam duas Universidades Federais em Goiás, uma em Catalão e a outra em Jataí, foram aprovados na Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado (CE) e seguiram para a análise no Plenário em regime de urgência, último passo antes da sanção presidencial. Os projetos foram relatados pela senadora Lúcia Vânia (PSB-GO), que também é presidente do colegiado. As proposições preveem o desmembramento da Universidade Federal de Goiás para a criação das instituições.

Nos relatórios, a senadora Lúcia Vânia destacou que a criação das universidades nos dois municípios goianos propiciará maiores oportunidades de expansão do acesso ao ensino superior, além de favorecer a aproximação das instituições com a realidade local. “Parcerias, convênios e pesquisas voltadas às necessidades da região poderão ser fortalecidas e estimuladas.

Os projetos são muito importantes para a democratização do ensino superior e a valorização do interior goiano”, disse a senadora Lúcia Vânia. “É um pleito antigo do estado de Goiás. São vinte anos de luta. Vinte anos de espera. É um dia de vitória para o estado”, destacou a parlamentar goiana.

Conforme as propostas, as transferências de alunos e cargos serão automáticas, além do aproveitamento da infraestrutura existente da UFG. As proposições também determinam a criação do cargo de reitor e vice-reitor que serão nomeados pelo ministro da Educação para ocuparem os cargos temporariamente até os estatutos das universidades sejam organizados (Da assessoria da vereadora Lúcia Vânia)

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Informe Publicitário - Carlos Freitas - Odontologia Especializada

O que são Facetas Laminadas (Lentes)

As pessoas com sorriso sadio gostam de exibi-lo, mas sorrir pode ser uma experiência dolorosa, emocional e fisicamente, para aquelas com dentes lascados, pigmentados ou tortos. Felizmente, há várias opções para ajudar a resolver problemas dentários, e uma das mais populares para pacientes mais velhos são as facetas laminadas de porcelana.

Folheados dentais consistem em conchas de porcelana ou resina composta que são personalizadas feitas sob medida para se encaixar sobre os dentes, proporcionando uma aparência natural e atraente. Eles podem ser usados para corrigir dentes manchados, desalinhados, desgastados irregulares ou anormalmente espaçados.


Por que FACETAS LAMINADAS

Para dentes severamente descoloridos, lascados ou disformes, revestimentos criam um sorriso durável e agradável. Além disso, é difícil manchar os revestimentos, tornando-os populares entre pessoas que procuram por um sorriso perfeito. 
Fonte: Colgate


Clínica Notre Dame - Sala 7 - Rua Benjamin Constant ao lado do Hospital Unimed - Praça da Matriz

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Prefeitura busca e Governo de Goiás sinaliza aporte de novos recursos do Goiás na Frente para Jataí

O prefeito Vinícius Luz, obteve, na última sexta-feira (16), durante audiência com o vice-governador, José Eliton, em Goiânia, sinalização positiva de um novo aporte de recursos do Programa Goiás na Frente – destinado em Jataí ao recapeamento de vias – após várias tratativas junto ao Governo de Goiás.

O aporte será de quase 2 milhões de reais, fato que deverá ser formalizado já nos próximos dias e servirá para a recuperação do asfalto de duas das mais importantes avenidas da cidade – Verianno Lima e Goiás – ação justificada pelas trincas e fendas apresentadas pelas vias em toda a sua extensão, local onde será aplicado revestimento asfáltico de 3, 5cm do tipo CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), indicado para as localidades em virtude do alto volume de veículos que transitam por elas .

O recurso ainda deve ser utilizado para a construção de sarjetas ao longo de todo o trajeto.

Servidora do Tribunal de Justiça em Goiânia, morta por asfixia

Por Keithe Amorim de Souza
O feminicídio praticado contra Giselle Evangelista, de 38 anos, servidora do Tribunal de Justiça em Goiânia, morta por asfixia, barbaridade essa praticada por aquele que ela tinha como "companheiro", reafirma a condição que teima em prevalecer, a do não enfrentamento às raízes dessa violência extrema, que continua a não estar no centro do debate público com a intensidade e profundidade necessárias. 

José Carlos, namorado de Giselle, suposto autor do crime, é a expressão fatal das diversas violências que podem atingir as mulheres em sociedades marcadas pela desigualdade de poder entre homens e mulheres e por construções discriminatórias.

Giselle é a expressão da subjugação máxima da mulher por meio de seu extermínio.

Nenhuma mulher está submetida à invisibilidade e, portanto, não pode e não deve ser tratada como uma coisa que o homem possa usar, gozar e dispor.

Nessa noite de sábado a Polícia Civil de Goiás, instituição que amo, por meio da DIH, GT3, DEFRVA e CMIT, prenderam esse animal, que certamente buscará arguir arrependimento, mas nada disso será capaz de alterar o resultado penoso e impossível de ser revertido.

Que Giselle não sirva apenas para entrar nas estatísticas tão amplamente divulgadas, com diagnósticos de uma "doença" para a qual insistimos em não encontrar a cura.

Fonte: Facebook

Acidente na rodovia Filó Garcia leva à morte criança de 4 anos

Logo após a comemoração de aniversário a pequena Maria Vitória morre na GO 184

Uma tragédia ocorreu por volta de 01:30hs deste domingo (18/02) quando o condutor do veículo Ford Fiesta de cor preta informou que trafegava na GO-184 sentido Jataí/Serranópolis, quando na altura no km 6 perdeu o controle do carro, saiu da pista e veio a capotar logo em seguida as margens da rodovia. 

No veículo haviam cinco pessoas, dentre elas duas crianças uma de 4 e outra de 7 anos. A unidade de resgate Samu foi acionada, mas ao chegar no local as vítimas já haviam sido socorridas por terceiros e encaminhadas ao Hospital Das Clínicas. Maria Vitória Barbosa de Freitas de 4 anos, havia acabado de comemorar seu aniversário não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Segundo informações o condutor, tio de Maria Vitória morta no acidente, após a festa de aniversário estavam indo para uma propriedade rural quando ocorreu o capotamento. O condutor, aparentemente sem lesão,  foi conduzido pela VTR-9512 até a Polícia Rodoviária Federal para fazer o teste do bafômetro o qual foi constatado 0,65 mgl, sendo assim o condutor foi conduzido para a delegacia da Polícia Civil onde foi autuado em flagrante por embriagues.

Fonte: Rota Policial

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Procon notificou empresas de ônibus intermunicipais e interestaduais que atuam em Jataí

Divulgação
O Procon de Jataí, em atendimento a um ofício expedido ao órgão pela 7ª Promotoria de Justiça de Jataí, realizou na última sexta-feira (09), a notificação das empresas de ônibus que atuam na cidade para verificação do cumprimento de legislação que garante o fornecimento de passagens gratuitas ou a concessão de 50% de desconto no valor, para o transporte intermunicipal e interestadual de idosos, como garantem o Decreto Federal nº 5.934/2006, a Resolução nº 1.692/2006 da ANTT, o Decreto Estadual nº 6.777/2008, o Decreto Federal n° 2.181/97 e Lei Federal n° 8.078/90.

Agora, as empresas deverão apresentar ao Procon cópias dos relatórios de movimentação mensal dos usuários beneficiados com esses descontos ou isenções para análises do referido órgão.

Governo federal decide decretar intervenção na segurança pública do RJ

Decreto será publicado nesta sexta-feira (16), segundo o presidente do Senado, Eunício Oliveira. 
Decisão foi tomada em meio à escalada de violência na capital carioca.

O presidente Michel Temer decidiu decretar intervenção na segurança pública no Estado do Rio de Janeiro. O decreto deve ser assinado no início da tarde desta sexta-feira (16).

Com essa medida, as Forças Armadas assumem a responsabilidade do comando das Polícias Civil e Militar no estado do Rio. A decisão ainda terá que passar pelo Congresso Nacional.

Reforma da Previdência 

Durante a intervenção, a Constituição Federal não pode ser alterada, o que pode afetar o andamento a reforma da Previdência, que é uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) e tem votação marcada para a semana que vem.

Dentro do governo, foi discutida a hipótese de suspender a intervenção durante a votação da Previdência, e depois retomá-la. Mas ainda não há definição sobre essa estratégia.

Segundo ministros do governo, o período da intervenção vai até o dia 31 de dezembro de 2018.

A decisão foi tomada após reunião de emergência no Palácio da Alvorada, na noite de quinta-feira (15). A intervenção na segurança teve a anuência do governador Luiz Fernando Pezão.

Temer designou também que o General Walter Souza Braga Neto, do Comando Militar do Leste, será o interventor. Ele foi um dos responsáveis pela segurança durante a Olimpíada do Rio, em 2016.

O Congresso Nacional será convocado para apreciar o decreto, como prevê a Constituição. Cabe agora ao presidente do Congresso, Eunício Oliveira, convocar em até 10 dias a sessão para que Câmara e Senado aprovem ou rejeitem a intervenção. Leia mais no G1

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.