Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Jataí tem queda na criminalidade (JN)

Dados Governo Municipal
Índices de violência em Jataí caem após ações integradas entre Prefeitura e Governo de Goiás

De janeiro a outubro deste ano, se comparado ao mesmo período do ano passado, houve queda nos índices de criminalidade em Jataí, segundo dados do observatório da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penintenciaria do Estado de Goiás.

Ações como o lançamento, pela Prefeitura, do Programa Jataí Mais Segura – em que projetos de segurança pública e defesa social de cunho ostensivo e preventivo estão sendo desenvolvidos em parceria com o Governo do Estado de Goiás, por meio da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária, envolvendo Polícias Militar, Civil e Penitenciária, Corpo de Bombeiros Militar, e ainda, o Poder Judiciário e entidades de classe locais – tem colaborado para a queda nesses índices.

Só este ano, Jatai já recebeu, para formação, mais de 80 novos policiais militares, teve implantada a patrulha maria da penha; iniciou a revitalização de seu sistema de videomonitoramento; teve instituído um banco de horas para policiais militares; retomou os trabalhos da força tarefa; criou o conselho municipal de defesa da mulher, reativou o gabinete de gestão integrada municipal, iniciou processo de implantação da guarda civil municipal; teve finalizadas a obras de ampliação da unidade prisional, implantou vários projetos de defesa social que atendem atualmente mais de 800 pessoas com atividades culturais, artísticas, esportivas e de alfabetização, entre outros.

Além disso, em outubro foi iniciada a operação Divisor de Águas, desenvolvida pela Secretaria de Segurança Pública e Administração Penintenciária, sem data para acabar e que vem contribuindo significativamente para a sensação de segurança dos jataienses. Em seu desencadeamento, em 03 de outubro, a operação envolveu 130 policiais das forças de segurança – Grupo de Radiopatrulhamento Aéreo (Graer), Batalhão de Operações Especiais (Bope), Batalhão de Choque, Cavalaria, Companhia de Policiamento Especializado (CPE), 15º Batalhão de Polícia Militar, unidades da Polícia Civil e da Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap) – que atuaram em vários pontos da cidade que apreendeu grande quantidade de entorpecentes, armas e cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão.

Confira os avanços*:

Queda no roubo a:
transeuntes: 74,19%
residências: 90%
veículo: 53,33%
comércio: 75%

Aumento no número de:
prisões em flagrante: 122%
foragidos recapturados: 155%

*Dados do observatório da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penintenciária do Estado de Goiás – entre janeiro e outubro de 2017 em comparação com mesmo período de 2016.

Aconteceu na Câmara Municipal de Jataí

Major Davi pede reparos na iluminação de rua da Vila Fátima

O vereador Major Davi Pires solicitou à administração municipal reparos na iluminação de toda a extensão da Rua Neio Lúcio, na Vila Fátima, além da limpeza de lotes baldios sujos e entulhados ao longo daquela via. A segurança noturna dos transeuntes é prejudicada pela falta de iluminação, enquanto os terrenos sujos colaboram para a proliferação de insetos e outros animais nocivos à saúde humana.

Gildenicio sugere construção de praça no bairro Cidade Jardim I

O vereador Gildenicio Santos sugeriu à prefeitura a construção de uma praça pública entre as ruas 12 e 13, no bairro Cidade Jardim I. "A obra, além de incrementar a qualidade de vida dos moradores, contribuirá para o lazer das crianças e dos adolescentes, sem a necessidade de se deslocarem para outras regiões da cidade, bem como incentivará a prática de atividades físicas", disse o parlamentar.

Kátia propõe acréscimo de normas nos serviços prestados pela Celg/Enel

A vereadora Kátia Carvalho requereu ao executivo e ao Procon o acréscimo das seguintes normas nos serviços prestados pela Celg/Enel: estabelecimento de horário limite para cortes no fornecimento de energia elétrica (12 horas, de segunda a sexta-feira, não sendo permitido cortes aos sábados, domingos e feriados) e restabelecimento da religação de urgência (realizada em até quatro horas). Ela lembra que a alta na tarifa tem elevado a inadimplência. Outra reivindicação diz respeito ao número escasso de servidores para atender chamados dos usuários.

Thiago requer mudança do local da sede do IML de Jataí

O vereador Thiago Maggioni reivindicou ao prefeito e à Secretaria de Segurança Pública de Goiás a transferência do Instituto Médico Legal (IML) para outra área do município de Jataí. Ele destaca que o prédio foi adaptado, mas as instalações ainda não são adequadas. Viaturas ficam ao relento devido à falta de vagas na garagem, o espaço é pequeno para atendimento da demanda e o mau cheiro é motivo de constantes reclamações por parte de alguns moradores da região.

Jovem de 22 anos morre após queda de motocicleta em Jataí

Rota Policial Jataí
No início da noite desta quinta-feira (16/11) Antônia Elisângela Sousa de 22 anos morreu após sofrer uma queda de motocicleta na Avenida Castelo Branco esq/com a rua 2. Segundo informações a Jovem trafegava com sua motocicleta Honda Biz 125 de cor vermelha sentido Conjunto Estrela Dalva/Centro. 

A equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada e ao chegar no local encontraram a vítima caída ao solo, apresentando (TCE) e sem sinais vitais, ( provavelmente o capacete tenha saído da cabeça da vítima durante a queda) Os bombeiros militares procederam o processo de reanimação durante todo o percurso até o hospital, mas infelizmente a vítima não resistiu à queda e veio a óbito. Ainda não se sabe o que provocou a queda da vítima. 

Antônia Elisangela era funcionária de uma panificadora muito conhecida na cidade de JATAI, a equipe do ROTA POLICIAL deixa aqui seus sentimentos de pesar aos familiares e amigos, e que Deus possa confortar à todos.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Petrobras anuncia queda no preço da gasolina e do diesel

A Petrobras  anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 3,80% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 1,30% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir desta sexta-feira (17)

A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente.

Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.

Preço dos combustíveis em Goiás subiu porque postos aumentaram lucros, diz Procon

Segundo superintendente, estabelecimentos lucram acima do dobro do valor praticado em outros estados; Sindicato diz que empresários devem rever o valor.

Por Murillo Velasco, G1 GO
Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon-GO) concluiu que o aumento da margem de lucro dos postos foi o principal fator da alta dos preços dos combustíveis em Goiás. De acordo com a superintendente Darlene Araújo, o lucro está acima do dobro do praticado em outros estados. O abastecimento nos postos está sendo retomado após protesto que bloqueou, por três dias, a entrada e saída das distribuidoras.

Segundo a superintendente, o órgão apura a prática de preço abusivo e pediu à Justiça, em caráter liminar, o retorno do percentual de lucro praticada no último mês de julho. “A margem de lucro bruto da gasolina hoje em Goiás está mais de R$ 0,60. No Paraná, está em torno de R$ 0,30. Este preço caro do combustível em Goiás, em Goiânia principalmente, é por conta do aumento da margem de lucro dos postos”.

Jataí e Rio Verde
Em Jataí o prefeito Vinícius Luz determinou que se verifique esse aumento dos combustíveis por aqui. Devido a paralisação dos abastecimentos dos caminhões na distribuidora em Senador Canedo em Rio Verde, houve correria dos motoristas para tentar abastecer os veículos, sendo que em Jataí não foi diferente, alguns postos já começaram a ser reabastecidos, já na noite de quarta-feira.

Governo Municipal promove mais uma etapa do Refiz

Pague seus débitos com nosso 
Município e faça parte de seu 
desenvolvimento
O mesmo será reativado a partir desta quinta-feira e os contribuintes poderão acertar débitos com o município ainda este ano

Na próxima quinta-feira (16), a Prefeitura de Jataí reativará o Programa de Recuperação de Créditos Fiscais, o REFIS, com o objetivo de promover a regularização de créditos e dar aos contribuintes em débito com o município a oportunidade de regularizarem a situação ainda este ano.

O programa beneficiará contribuintes que tenham débitos provenientes de IPTU, ITBI, ISSQN, contribuição de melhoria, taxas, preço público e multas infracionais, gerados até 31 de dezembro de 2016.

A adesão ao programa se dará em formulário próprio preenchido junto à Secretaria da Fazenda na Prefeitura ou na sede do CEJUSC (Centro Judicial de Solução de Conflitos e Cidadania), Setor Santa Maria. O contribuinte que já tiver aderido ao REFIS no passado e não tiver, na ocasião, realizado a completa quitação do débito, poderá aderir ao programa com três opções de pagamento:

• parcela única – 100% de desconto nas multas e juros
• 2 parcelas – 95% de desconto nas multas e juros
• 3 parcelas – 90% de desconto nas multas e juros

Já os outros contribuintes poderão regularizar seus débitos com descontos em juros e multas em até 10 pagamentos:

• parcela única – 100% de desconto nas multas e juros
• 2 parcelas – 95% de desconto nas multas e juros
• 3 parcelas – 90% de desconto nas multas e juros
• 4 parcelas – 85% de desconto nas multas e juros
• 5 parcelas – 80% de desconto nas multas e juros
• 6 parcelas – 75% de desconto nas multas e juros
• 7 parcelas – 70% de desconto nas multas e juros
• 8 parcelas – 65% de desconto nas multas e juros
• 9 parcelas – 60% de desconto nas multas e juros
• 10 parcelas – 55% de desconto nas multas e juros

Contribuintes interessados em parcelar seus débitos em mais de 10 parcelas, não terão desconto e a parcela mínima para pessoa física não poderá ser inferior a R$ 50,00 e para pessoa jurídica, a R$ 100,00.

Para débitos não tributários provenientes de sanções administrativas de posturas, obras, meio ambiente, licitações, contratos, PROCON, o contribuinte terá um desconto de 30% sobre o valor principal independentemente das condições de parcelamento.

Para efetivar a adesão ao REFIS o contribuinte deverá fazer o pagamento da primeira parcela a vista ou em até 02 dias úteis e o prazo para a adesão se encerra em 15 de dezembro deste ano.

Secretaria da Fazenda – Prefeitura de Jataí
R. Itaruma, 355 – Setor Santa Maria.

CEJUSC
Leopoldo de Bulhões, 640 – Setor Santa Maria.

Homem é morto a tiros dentro de agência bancária em Goiânia

Ocorrência foi atendida pelo corpo de bombeiros

Por Larissa Quixabeira/Opção
Um homem foi baleado e morreu na manhã desta quinta-feira (16/11) dentro de uma agência bancária no setor Coimbra, em Goiânia. Segundo o Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, ele não resistiu ao ferimento e morreu no local, havia sido arrombado no início da manhã desta quinta.

O local foi isolado pela Polícia Militar. Não há informações sobre outros feridos e a Polícia Civil investigará o caso.

Polícia Civil indicia presidente da Câmara de Inhumas por tráfico de drogas

Ao todo, 11 pessoas foram indiciadas, entre elas, o presidente e o assessor de comunicação da Casa, Carlos Alberto de Oliveira Filho

Por Matheus Monteiro/Opção
A Polícia Civil de Inhumas remeteu ao Poder Judiciário, nesta terça-feira (14/11), três inquéritos policiais oriundos da Operação Assepsia, realizada no município. Ao todo, 11 pessoas foram indiciadas, entre elas, o presidente da Câmara de Vereadores da cidade, Gleiton Luiz Roque, conhecido como “Tumate”, e o assessor de comunicação da Casa, Carlos Alberto de Oliveira Filho.

Deflagrada em 19 de setembro, com o objetivo de apurar corrupção na eleição da Mesa Diretora da Câmara e a existência de funcionários fantasmas, a Operação Assepsia cumpriu mandados de busca e apreensão em diversos locais da cidade, dentre eles, a Câmara Municipal de Inhumas e a residência do vereador Gleiton Luiz Roque, que chegou a ser afastado do cargo pela Justiça, sendo ainda impedido de exercer funções públicas pelo prazo de 180 dias.

A partir dessa investigação, conforme relata o delegado Humberto Teófilo, responsável pela operação, a Polícia Civil encontrou documentos e evidências que indicavam fraudes em licitações, ocultação de documentos públicos e até tráfico de drogas. “Os inquéritos concluídos e já encaminhados à Justiça são os correspondentes às fraudes em licitações, ao tráfico de drogas e à ocultação de documentos, que foram encontrados na casa do presidente”, conta Teófilo.

O delegado representou pela prisão preventiva do suposto líder da organização criminosa, Gleiton Luiz Roque, argumentando, dentre outros fatores, a reiteração criminosa, o prejuízo aos cofres públicos de aproximadamente R$ 350 mil, e o descumprimento da medida cautelar anteriormente imposta, uma vez que assessores parlamentares ligados ao vereador estariam, em seu nome, interferindo na gestão da Câmara.

Humberto Teófilo também pediu que seja mantido o afastamento dos servidores envolvidos nas fraudes das funções públicas, além do sequestro dos bens móveis e imóveis em nome dos indiciados, até o montante do suposto prejuízo de R$ 350 mil. Em outro inquérito policial, o presidente da Câmara, Gleiton Luiz, foi indiciado pelos crimes de financiamento ao tráfico e associação para o tráfico e seu assessor, Carlos Alberto de Oliveira Filho, pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

O delegado Humberto também pediu a prisão preventiva de Carlos Alberto, que está preso temporariamente, e de Gleiton Luiz Roque, que chegou a ser preso no dia 1º de novembro, mas teve habeas corpus deferido pela Justiça.

Os inquéritos policiais entregues ao Poder Judiciário promovem ainda o indiciamento, pelos crimes de organização criminosa, dispensas indevidas de licitações, fraudes licitatórias e peculato, dos seguintes servidores públicos: Gleiton Luiz Roque (vereador e presidente da Câmara), Leandro Vieira Essado (vereador e 1º secretário da mesa diretora), Hugo Mendanha (assessor jurídico), Larissa Pacheco Camilo (diretora geral), Ivolines de Jesus Oliveira (diretor contábil), Luiz Henrique Canêddo Vila Verde (contador).

Wendel Aparecido Chaves Osório (advogado contratado) e Rodolfo de Moraes Duarte Neto (presidente da Comissão de licitação) foram indiciados pelos crimes de organização criminosa, dispensas indevidas de licitações e fraudes licitatórias. Murilo Brandão Calil e Beigson Pereira Rodrigues, ambos membros da comissão de licitação, devem responder pelo crime de fraudes em licitações.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Caiu na rede virou notícia












André Sideral / 20 h
"Um absurdo que estão fazendo conosco! As tarifas de água e energia estão altíssimas em nossa cidade. Não justifica esses aumentos abusivos nas conta da Saneago e Celg. Até quando vamos aceitar essa falta de respeito com o consumidor! A minha conta está hoje praticamente 100% a mais do que a mesmo período do ano passado. O que podemos fazer ! HELP !!!"

Assembleia aprova criação de CPI para investigar os preços dos combustíveis em Goiás

Procon aplica medidas para coibir preço abusivo 
nos combustíveis.

Órgão disse que já constatou aumento de preço do 

etanol sem justa causa. Prática viola o Código de 
Defesa do Consumidor.

A superintendente do Procon Goiás, Darlene Araújo, 

afirmou que, em conjunto com a Delegacia do Consumidor, 
a Procuradoria-Geral do Estado e a Secretaria da Fazenda, o 
órgão já está adotando todas as medidas necessárias para 
coibir correções abusivas nos preços dos combustíveis no 
Estado.
Comissão funcionará com cinco membros pelo prazo de 120 dias podendo ser prorrogada por mais 60 dias

Por Matheus Monteiro/Opção
Uma comissão formada por deputados estaduais propôs na tarde desta terça-feira (14/11), durante sessão ordinária, a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os aumentos abusivos e periódicos dos combustíveis no Estado de Goiás e a formação de cartel entre os postos de combustíveis.

Logo após a proposição, 14 deputados se manifestaram a favor, com isso a CPI pode ser instaurada na próxima sessão ordinária da casa, marcada para quinta-feira (16).

“A população está indo às ruas para fazer uma discussão em relação aos preços dos combustíveis que nós temos que participar também. Quero garantir aqui que não faremos uma CPI para levar vantagem, quem tem que levar vantagem é o povo, então convido a todos os parlamentares a participar destes processos pois a sociedade está cobrando”, afirmou o deputado Santana Gomes (PSL).

Sobre a possível formação de cartel, o deputado Mané de Oliveira disse que eles existem, mesmo sendo proibido. “O cartel existe mesmo sendo proibido, isto é fato. Hoje, mais de mil postos em Goiás estão nas mãos de no máximo 100 proprietários, que entre eles fazem o que querem, ” comentou o deputado.

A Comissão Parlamentar de Inquérito funcionará com cinco membros pelo prazo de 120 dias podendo ser prorrogada por mais 60 dias.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Retrato de uma desordem tributária, econômica, política e social

Por Gideone Rosa
A primeira grande guerra mundial aconteceu depois do assassinato de um Arqueduque austríaco, foi como acender um estopim para que parte da Europa viesse entrar em conflito.

Fazendo um parâmetro, mesmo que distante do fato europeu,  diante das angústias dos brasileiros inerente a uma situação de desordem econômica, política, social e ainda o lamaçal da corrupção que tomou conta deste país, esse episódio de obstrução da distribuidora em Senador Canedo pode ser, também, um estopim, o nosso estopim, para desencadear um movimento contra os desmando que impera no país.

Está mais que na hora de dizermos "basta". O que vimos nos postos de combustíveis em nossa cidade hoje é o retrato de um país sem rumo, sem gente descente na administração pública. Chega. Já deu.

Veículo pega fogo após capotar em viaduto

O fato ocorreu no perímetro urbano da BR 158

A equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada por volta das 20:00hs deste domingo (12/11) para deslocar até o viaduto da BR-158 no perímetro urbano de jatai, para atender uma ocorrência de um veículo que pegou fogo após capotar. Informações colhidas no local pela equipe do ROTA POLICIAL, apurou que o condutor do veículo Fiat uno/ eletronic de cor vermelha, ano 1994, placa BOW-7847, havia subido na mureta de contenção do viaduto, vindo à capotar e em seguida pegar fogo.

Não se sabe quantas pessoas havia dentro do veículo e se há feridos, pois assim que iníciou o incêndio o motorista abandonou o veículo. Até o término desta matéria nenhuma vítima havia procurado atendimento médico no hospital municipal. A PRF compareceu no local e com a ajuda de um guincho retirou o veículo do local.

*texto: ROTA POLICIAL JATAI (Grupo de Whatsapp)

Vereadores colocam em discussão projeto de campanha que deu vitória ao prefeito Vinícius Luz

Divulgação
Em meio a tantos outros projetos que ajudaram a eleger o atual prefeito Vinícius Luz, os quais aos poucos estão sendo resgatados, um, em especial, chamou a atenção diante de uma triste realidade, a criminalidade, o projeto de se construir em Jataí uma "colônia" penal.

Ao que se sabe e que impede a implementação do projeto são as finanças do Município e do próprio estado, já que tal projeto depende muito mais de ações do Estado do que do governo municipal, já que  segurança pública é uma prerrogativa do governo estadual.

Porém, diante de tudo há quem defende a implementação da "colônia" penal, é o caso dos vereadores Major Davi Pires e Mauro Bento Filho.

Veja nota do Legislativo Municipal Jataiense 

Major Davi e Mauro Filho defendem construção de colônia penal agroindustrial

Os vereadores Major Davi Pires e Mauro Bento Filho defenderam junto aos governos municipal e estadual a construção, em caráter de urgência, de uma colônia penal agroindustrial em Jataí. O local abrigaria reeducandos do regime progressivo de reclusão, com trabalho coletivo durante o dia, abertos, semiabertos, bem como em trabalhos extramuros e em condições de concessão de liberdade condicional. A medida desafogaria o Centro de Inserção Social, que se encontra superlotado.

João Rosa reivindica centro comunitário para a Vila Paraíso

O vereador João Rosa reivindicou à administração municipal a construção de um centro comunitário para a Associação de Moradores da Vila Paraíso I e II. Em levantamento realizado naqueles bairros, o gabinete do parlamentar constatou que uma das principais carências da comunidade é falta de um local adequado para realização de reuniões, festas e outros eventos.

Gildenicio quer melhoria do serviço de limpeza urbana

O vereador Gildenicio Santos requereu ao executivo a melhoria do serviço de limpeza urbana de Jataí, especialmente a varrição pública, visando a manutenção da boa saúde da população. "Informações dão conta de que a empresa que ganhou a licitação para esse serviço não tem conseguido realizá-lo a contento, principalmente por falta de recursos humanos", afirmou ele. "É obrigação do poder público a fiscalização de todos os serviços públicos, tendo em vista atender da melhor forma a população".

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.