Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quinta-feira, 6 de março de 2014

Marconi Perillo decretará estado de emergência devido crise no sistema carcerário goiano

A informação é do secretário de Administração Penitenciária e Justiça, Edemundo Dias
Por Marcelo Gouveia/JO
O estado crítico em que se encontra o sistema prisional goiano fará com que o governador Marconi Perillo (PSDB) decrete estado de emergência durante 180 dias. A informação é do titular da Secretaria de Administração Penitenciária e Justiça (Sapejus), Edemundo Dias.
Em entrevista ao Jornal Opção, o secretário adiantou que o anúncio do tucano deve ocorrer na próxima segunda-feira (10/3) no auditório da Sapejus. Na ocasião, Marconi também anunciará uma série de medidas para o setor penitenciário do Estado.
Conforme explicou Edemundo, o plano emergencial tem por objetivo desafogar o sistema prisional. De acordo com ele, a atual demanda não condiz com o planejamento feito para a área em face do aumento da população carcerária.  “Nós estamos preparando a construção de cinco mil vagas até 2015, mas não dá pra esperar. Eu circulei pessoalmente pelas dependências das delegacias; locais em que cabem quatro presos, têm 40. Isso é inadmissível”, pontua.
Durante o prazo de 180 dias, ao menos 600 vagas serão criadas para acolher presos provisórios. Além disso, serão disponibilizados vários equipamentos para reforçar a segurança das unidades prisionais, como bloqueadores de celular e armas de fogo. “O governador está autorizando um concurso público e também a contratação de agente temporários. Essas medidas são até a gente sair desse estado emergencial”, completa Edemundo. (JO)
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.