Jataí mais segura

Jataí mais segura

Rádio Ideias - Programa Frequência de Classe nº 37

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Drones podem ser ameaça a aviões de passageiros

O recente uso de drones por empresas e até mesmo como hobby tem preocupado algumas pessoas quanto à lotação dos céus. Alguns começaram a se perguntar o que aconteceria se, por exemplo, um drone fosse sugado por uma turbina.
Os pilotos de avião já lidam com situações semelhantes há muito tempo, mas com as aves, e o resultado já é conhecido: os motores podem até morrer e explodir em pleno voo.
Amazon anuncia entregas com drones. Empresa diz que pode entregar produtos em 30 minutos
Netflix faz piada com novo serviço de entregas da Amazon
De acordo com o site Quartz, o diretor de aviação Robert Harwood disse à Ansys, uma empresa de simulação de situações de emergência em aeronaves, que um drone sugado por um motor provavelmente provocaria resultados semelhantes ao de um embate com pássaros. A única diferença é que o drone, como é de metal ou plástico, causaria uma colisão mais substancial.
Ele explica que o motor de um jato, por exemplo, tem anéis concêntricos de lâminas de alta velocidade que empurram o ar para trás e o comprimem para gerar uma combustão. Caso um pássaro ou um drone seja sugado, ele danificaria as lâminas e comprometeria o movimento de rotação. Isso causaria uma falha catastrófica no motor. Outro perigo é o de combustão no caso de drones movidos a gás.
Felizmente, a maioria dos aviões de passageiros tem dois ou quatro motores e pode voar com um ou dois motores danificados. No caso dos drones, os momentos mais perigosos para os aviões são o pouso e a decolagem. Nesses momentos, a aeronave voa mais baixo e isso aumenta as chances de um pouso de emergência bem-sucedido, se necessário.
Postar um comentário

Parabéns Jataí


Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.