Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Informe Vig. Epidemiológica: Atribuições do Centro de Controle de Zoonoses

A publicação no diário Oficial da União da Portaria no 1.138, de 23 de maio de 2014 que define as ações e os serviços de saúde, voltados para a vigilância, prevenção e controle de zoonoses e de acidentes causados por animais peçonhentos e venenosos, visando à promoção e proteção á saúde humana, ocasionou uma série de mudanças nos procedimentos diários desenvolvidos pelos Centros de Controle de Zoonoses fazendo com que todos exerçam exatamente a função para qual foram criados, ou seja, vigilância, monitoramento, controle e prevenção das zoonoses de relevância para a saúde pública:

Desenvolvimento e execução de ações de educação em saúde visando à guarda ou à posse responsável de animais para a prevenção das zoonoses;

Visitas domiciliares relacionadas a animais de relevância para a saúde pública:
- quando houver acidentes causados por animais peçonhentos e venenosos ou mesmo
mordedura, arranhadura que represente risco de transmissão de doença;
- animal suspeito para alguma zoonose e em situação de risco quanto á transmissão de
doenças para humanos;

Coordenação e execução da Campanha contra a Raiva Animal, bem como a notificação e
investigação de eventos adversos temporalmente associados a essas vacinações;
Desenvolvimento e execução de ações, atividades e estratégias de controle da população
de animais, que devam ser executadas em situações excepcionais, em áreas determinadas,
por tempo definido, para o controle da propagação de zoonoses de relevância para a saúde
pública;
Coleta, recebimento, acondicionamento, conservação e transporte de espécimes ou amostras
biológicas de animais para encaminhamento aos laboratórios, com vistas á identificação ou
diagnóstico laboratorial de zoonoses;
Gerenciamento de resíduos de serviços de saúde gerados pelas ações de vigilância de
zoonoses;
Eutanásia, quando indicado, e recolhimento e transporte quando couber, de animais de
relevância para a saúde pública;
Recepção de animais vivos e de cadáveres de animais quando forem de relevância para a
saúde pública;
Investigação, por meio de necropsia, coleta e encaminhamento de amostras laboratoriais ou
outros procedimentos pertinentes, de morte de animais suspeitos de zoonoses;
Desta forma, não estão sendo recebidos mais no CCZ: animais sadios, animais com dificuldades no parto, atropelados, com doenças como sarna, parvovirose, cinomose, metástase, tumores venéreos, ceratoconjuntivite, enfim, doenças de caráter espécie-específica. Por não se tratarem de zoonoses, estas são de responsabilidade de seus proprietários e os animais devem ser encaminhados para Clínicas Veterinárias para atendimento. As denúncias de maus tratos animal deverão ser encaminhadas para a Secretaria do Meio Ambiente.
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.