Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Bancários da Caixa Econômica Federal rejeitaram as reajustes oferecidos pela instituição financeira e exigem melhores condições de trabalho

Funcionários de bancos privados e do Banco do Brasil em Goiás voltaram ao trabalho nesta terça-feira (7/10). A decisão de encerrar a greve nas instituições ocorreu após assembleias realizadas pelo Sindicado dos Bancários de Goiás (Seeb-GO) nessa segunda-feira (6). Em contrapartida, os bancários da Caixa Econômica Federal rejeitaram a proposta da empresa e a greve continua por tempo indeterminado.

Os bancários da rede privada e do Banco do Brasil deliberaram pela aceitação das contrapropostas patronais oferecidas pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e pela instituição pública, como reajuste de 8,5% sobre os salários e 9% sobre o piso.

O presidente da Seeb em Goiás, Sérgio Luiz da Costa, afirmou ao Jornal Opção Online que os funcionários da Caixa não aceitaram as propostas oferecidas pelo Banco. “A assembleia deliberou pela continuidade do movimento, exigindo melhores condições de trabalho, além da contratação de mais empregados, visto que atualmente existem metas abusivas e excesso de trabalho”, disse.

O Seeb-GO informou à Comissão Bancária Nacional de Negociações (CBNN/Contec) sobre a rejeição da proposta apresentada pela Caixa e solicitou a reabertura do canal de negociações com a instituição financeira.
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.