Jataí mais segura

Jataí mais segura

Rádio Ideias - Programa Frequência de Classe nº 26

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Garota de 7 anos fica tetraplégica após cirurgia de apendicite, diz família

Rafhaella chegou andando
ao hospital antes da cirurgia
(Foto: Reprodução/TV Anhanguera)





Pais entraram com ação na Justiça e pedem indenização de R$ 1,6 milhão.
Dívidas com tratamento já chegam a R$ 100 mil; secretaria investiga o caso.
Do G1 GO
A família de Rafhaella Ribeiro de Alcântara, de 7 anos, denuncia que a garota ficou tetraplégica após ser submetida a uma operação de apendicite no Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiânia. A cirurgia ocorreu em novembro de 2013 e, desde então, a menina, que chegou andando à unidade, hoje vive em uma cadeira de rodas. O pai da menina, Rafael Fonseca, está desempregado e disse que já tem uma dívida de R$ 100 mil para custear o tratamento da menina.
“Entrei com a minha filha andando no hospital. Nunca imaginava uma coisa dessas, sair com ela tetraplégica. Busco força em Deus, porque médico não tem dó de ninguém não. Eles viram para você e falam: ‘Ela vai ficar assim para o resto da vida’. Tive que fazer um curso para aprender a aplicar injeção", disse Rafael, aos prantos.

Os pais acusam o hospital e os profissionais de erro médico e entraram com ação judicial contra o Estado. Segundo o advogado da família, Rannieri Lopes, o valor da indenização pedida é de R$ 1,6 milhão, além de uma pensão vitalícia de R$ 10 mil mensais para custear o tratamento da menina.

“Está comprovado nos autos dos procedimentos. Todos os corréus já apresentaram a defesa em cima disso. O processo da Rafhaella já passou pela Câmara de Saúde do Judiciário e consta nos autos essas declarações", disse.
A Justiça expediu liminar parcial obrigando o Estado a arcar com equipamentos e remédios da menina, mas, segundo Lopes, a decisão ainda não foi cumprida. “Os bens in natura, cadeira de rodas e cama, eles forneceram. Porém, os medicamentos, que são caríssimos, e fraldas não foram concedidos até então pelo Estado", alega.
Postar um comentário

Parabéns Jataí


Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.