Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Janot protocola denúncia contra Eduardo Cunha e pede devolução de US$ 40 milhões

Presidente da Câmara é suspeito de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Cabe aos ministros do Supremo Tribunal Federal decidirem se acatam a denúncia

Por Bruna Aidar
Um dia após o anúncio de que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) seria denunciado ao Supremo Tribunal Federal (STF) por envolvimento no caso de corrupção na Petrobras, o Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, protocolou a acusação. Se a Justiça acatar o pedido, Cunha será investigado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A denúncia de Janot pede ainda que ele devolva US$ 40 milhões e repare os danos causados à Administração Pública e à Petrobras também no valor de US$ 40 milhões. A ex-deputada federal Solange Almeida (PMDB-RJ) e o senador Fernando Collor (PTB-AL) também estão na denúncia – Solange por corrupção passiva e Collor por motivo ainda sigiloso.

Na denúncia constam os indícios encontrados pela Procuradoria de que Cunha, ao contrário do que vem alegando desde o início da Operação Lava-Jato, teve envolvimento no esquema na estatal. Agora cabe aos ministros do STF decidir se vão aceitar a acusação. Eles não têm prazo para a resolução.

Cunha teria recebido US$ 5 milhões em propina de Julio Camargo para facilitar que a Samsung firmasse contratos com a Petrobras. Ele já havia sido citado pelo doleiro Alberto Yousseff em 2014. Na ocasião, Yousseff disse que Julio havia pagado propina ao presidente da Câmara. A denúncia da Procuradoria vem após o nome de Cunha ter sido citado em delação premiada do próprio Julio Camargo.                                                          Leia mais
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.