Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Cessão de servidores municipais vai acelerar cadastramento biométrico em Jataí

Crédito da foto: Leandro Rodrigues
Foi definido no último dia 18, no Cartório Eleitoral de Jataí, um termo de cooperação entre Câmara Municipal, prefeitura e Justiça Eleitoral para a realização do recadastramento biométrico dos eleitores do município. O objetivo é agilizar o serviço de coleta de impressões digitais e outros dados de todos os cidadãos aptos a votar no município. O trabalho começou a ser feito no último mês de agosto e tem término previsto para fevereiro de 2016.

Devido às constantes reclamações dos eleitores, que passam horas na fila ou não recebem uma das 100 senhas colocadas à disposição do público diariamente, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), desembargador Walter Carlos Lemes, solicitou ao executivo e ao legislativo jataienses a cessão de funcionários ao cartório. O prefeito Humberto Machado e o presidente da Câmara, Marcos Antônio, atenderam a solicitação.

Outra medida resultante do termo de cooperação será a descentralização do atendimento, que também será feito no Palácio das Abelhas, sede da Câmara Municipal. Atualmente, o cadastramento está sendo realizado somente no Cartório Eleitoral, localizado no Residencial Barcelona. “Grande parte da população vive em bairros muito distantes do cartório”, declarou Marcos Antônio. “Um posto de atendimento no Centro facilitaria bastante a vida dos eleitores”.
Em Jataí, o TRE conta com seis atendentes e são feitos cerca de 100 recadastramentos por dia. Até o momento, apenas 3% do eleitorado do município foi atendido. O objetivo, com o termo de cooperação, é ampliar o número de atendentes para 18 pessoas e chegar à quantidade de 500 a 600 recadastramentos diários.

A revisão do eleitorado ocorre em 47 zonas eleitorais de Goiás, envolvendo 98 municípios e, nesses locais, o eleitorado deverá comparecer para proceder à coleta de dados para a implantação da biometria (foto, assinatura e coleta de impressões digitais).
A legislação que normatiza a revisão do eleitorado autoriza a Justiça Eleitoral a requisitar servidores federais, estaduais ou municipais, bem como utilizar instalações e serviços de órgãos da União, dos estados, do Distrito Federal e municípios. Em algumas cidades, além de Jataí, já foram firmados termos de colaboração visando o reforço de pessoal para atuar nos trabalhos de biometria.

Foto: Da esquerda para a direita: Juverci Felício Vieira, procurador jurídico do município, Vinícius de Castro Borges, chefe do Cartório Eleitoral de Jataí, João Rosa (vereador), Vinícius Luz (vereador), Brazil Nunes (assessor de imprensa do TRE-GO), Dara Cristina Martins Alcântara, servidora do legislativo jataiense, Nilton César Soró (vereador), Marcos Antônio (presidente da Câmara Municipal) e Gildenício Santos (vereador)
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.