Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Frequência de Classe - Um programa da Radio Line e Rádio Ideias

Refiz 2017

Refiz 2017

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

PM se tranca dentro de casa por mais de 12 horas e dispara tiros, em Jataí

Bope teve de invadir o imóvel para resgatar o policial e houve tiroteio. Ferido no braço, agente foi hospitalizado; outras pessoas não se machucaram.

Do G1
Um policial militar de 48 anos ficou mais de 12 horas trancado dentro de casa e disparando tiros em Jataí, no sudoeste goiano. Após tentativas de negociação, o Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar invadiu a casa do agente, que acabou baleado no braço durante troca de tiros e se rendeu. O PM teve de ser hospitalizado.

A confusão, que começou na segunda-feira (14), só terminou na manhã do dia seguinte. O PM estava sozinho em casa.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros encaminhou o policial a um hospital de Jataí, onde ele passou por uma cirurgia. Apesar de estar internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), ele tem quadro estável e não corre risco de morrer, segundo o comando da corporação.

Há a suspeita de que ele esteja com depressão. No entanto, os médicos ainda não confirmaram esse diagnóstico.

Testemunha
Pedreiro em uma obra ao lado da casa em que o policial estava, um homem que não quer se identificar conta que o PM pediu ajuda e disse que tinha outras pessoas no imóvel.

"Estava trabalhando na obra aqui e comecei a escutar uns gritos de socorro aqui. Aí a gente olhou para lá e viu que ele estava andando no quintal. Perguntei o que estava acontecendo e ele falou: ‘Pelo amor de Deus, chama a polícia porque tem um pessoal que já levou minha família, minha esposa, meus filhos e me trancou aqui dentro e está querendo matar eles e me matar’”, relatou o pedreiro.

Os tiros assustaram os vizinhos do policial. "Ele deu uns oito tiros. Um perigo de bala pegar na gente", disse o operador de máquinas Paulo Sérgio Souza.

O homem integra a PM há mais de 20 anos. Atualmente, ele é responsável pela segurança de um juiz, no Fórum de Jataí. A corporação informou que, após se recuperar, ele passará por avaliação médica e receberá a devida assistência. (Fonte: G1)
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.