Jataí mais segura

Jataí mais segura

Rádio Ideias - Programa Frequência de Classe nº 37

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

domingo, 11 de setembro de 2016

Eleições 2016 - Vices podem atrapalhar desempenho de candidatos em Goiânia

Escolha de Iris Rezende, por exemplo, desagrada até mesmo setores do PMDB. 
Major Araújo é conhecido por confusões na Assembleia e pela autoria do “bolsa-arma”

Por Alexandre Parrode
As chapas majoritárias dos candidatos à Prefeitura de Goiânia foram, em sua maioria, decididas de última hora, o que gerou certa falta de sintonia entre os candidatos a prefeito e seus respectivos vices. Grande parte dos prefeitáveis não está confortável com seus substitutos diretos e tentam compensar as diferenças ideológicas.

No pior dos cenários, está o peemedebista Iris Rezende. Na ânsia de compor chapa com um nome da segurança, ele escolheu o deputado estadual Major Araújo (PRP), conhecido pelas confusões que protagoniza na Assembleia Legislativa de Goiás e pela autoria do “bolsa-arma”.

A escolha desagrada até mesmo setores do PMDB e liga o sinal de alerta, já que o líder político possui a pecha de abandonar o mandato para concorrer a outros cargos e deixar o vice em seu lugar. Foi assim com Paulo Garcia (PT), hoje rompido com o antigo aliado. Dessa forma, caso seja eleito prefeito de Goiânia, não será de se estranhar que o decano abandone a prefeitura em 2018 para concorrer ao governo do Estado.

Mas não é só Iris que enfrenta problemas com o vice. A petista Adriana Accorsi escolheu um que simplesmente é contrário às lutas históricas do Partido dos Trabalhadores. Deivison Costa (PTdoB), o vice da petista, já causa prejuízos entre a militância e muitos já anunciam que não votarão na delegada porque acusam Deivison de ser homofóbico e contra as pautas sociais que a sigla defende.

Já Delegado Waldir (PR), por problemas de articulação política, acabou perdendo o vice dos sonhos, o médico Zacarias Calil (PMB). Em seu lugar, ele conseguiu outra médica, a pediatra Rose Cruvinel. A escolha, entretanto, causou transtornos à carreira do filho de Rose, o deputado Virmondes Cruvinel, que chegou a correr o risco de ser expulso do PPS por infidelidade.

Talvez, o único que tenha acertado foi Vanderlan Cardoso (PSB), que escolheu Thiago Albernaz (PSDB),  vereador de atuação marcante na Câmara de Goiânia e com boa relação com a juventude.
Postar um comentário

Parabéns Jataí


Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.