Rádio Ideias - Programa Frequência de Classe nº 19

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Barbárie em Campo Grande - MS

Custe o que custar, queremos justiça, diz tio de morto após agressão
Wesner morreu após ficar 11 dias internado por conta de 'brincadeira' com mangueira de ar em lava jato

Por Luana Rodrigues e Adriano Fernandes
A família de Wesner Moreira da Silva, 17 anos, está inconsolável. Na Santa Casa, a mãe e o tio preparam a liberação do corpo do garoto morto após ‘brincadeira’ com uma mangueira de ar, num lava jato, em Campo Grande. Além da tristeza, familiares também carregam o desejo por Justiça, agora que nada mais pode ser feito pela vida da vítima.

“O Wesner era um garoto que tinha todos os sonhos pela frente, ele não merecia algo assim, por isso queremos os dois culpados por isso o quanto antes na cadeia”, diz Elson Ferreira Silva, 52 anos, tio da vítima.

A mãe de Wesner, Marisilva Moreira da Silva de 44 anos, também está no hospital, mas preferiu não falar com a imprensa. O que a família conta é que ela chora muito. Já o pai do garoto acabou de receber a notícia em Corumbá, onde estava a trabalho.

“Nós vamos solicitar a prisão do Thiago e do Willian, porque isso não é justo. Eles mentiram para o delegado. O próprio Willian já havia dito que não acreditava que o Thiago iria fazer aquilo”, disse Elson.

Crime - Os dois suspeitos de terem cometido o crime contra o adolescente são Thiago Giovanni Demarco Sena, 20 anos, dono do lava jato, e Willian Henrique Larrea, 30 anos. Eles já foram ouvidos na DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), onde o caso é investigado como lesão corporal grave.

O caso foi denunciado pelo primo da vítima, de 28 anos, na sexta-feira (3), mesmo dia que ocorreu o crime. No relato à delegacia, o rapaz disse que o adolescente “brincava com os colegas de trabalho”, quando um dos homens o agarrou e o dono do estabelecimento inseriu a mangueira de ar comprimido no ânus do garoto. Fonte: Campo Grande News
Postar um comentário

Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.