Rádio Ideias - Programa Frequência de Classe nº 40

Fique em dia com o nosso Município

Fique em dia com o nosso Município
Quite seus débitos com a prefeitura

sexta-feira, 17 de março de 2017

“A CARNE REALMENTE É FRACA”

Por Adalberto Lemos
Esse ditado antigo largamente utilizado pra justificar as “puladas de cerca” desse ou daquele cônjuge (marido ou esposa) nos relacionamentos “extra casa” veio a ganhar novo sentido com a operação desencadeada pela Polícia Federal em alguns Estados do Brasil.

Mais uma vez, se aponta a possibilidade de envolvimento não só de nomes de grande porte da indústria (agora de alimentos) como também de possível envolvimento de partidos políticos que teriam se beneficiado, também, com a prática de atos atentatórios até mesmo contra a saúde e integridade física dos consumidores.

Não é de hoje, que quem trabalha ou trabalhou em frigoríficos e frequenta esses estabelecimentos que sabe que o serviço praticado por grande número de servidores ligados ao Ministério da Justiça é um serviço honesto, em que há rigorosa exigência de funcionários que realmente executam seu mister. FISCALIZAR HONESTAMENTE o processo de abate, desossa, industrialização e venda de produtos de origem animal.

Por outro lado, no mesmo diapasão, também sempre se teve notícias de fiscais corruptos, que se vendem por migalhas como foi apurado (caixas de carne, provavelmente já vencidas também, já que provavelmente eram cúmplices nas trocas de embalagens).

No Brazil, nada se perde, nada se cria, tudo se transforma. Na maioria dos frigoríficos essa regra é ainda mais larga. Tudo se renova.

Sofremos, todos nós, de uma violenta crise ética, moral e legal.

A reportagem da TV aberta demonstra que um dos principais agentes envolvidos clamava em seu perfil do facebook pela honestidade, atirando para todo que é lado criticando os políticos corruptos e ele, pelo apontado na matéria, seria um dos maiores operadores do esquema.

Reza a lenda que Winston Churchill teria dito à certa altura de sua vida, lá pelos anos 40 : “Se as pessoas soubessem como são feitas as salsichas e as leis não “as consumiriam”.  
No “Brazil”, nunca essa frase foi tão verdadeira. 
Nos dois sentidos.
Postar um comentário

Parabéns Jataí


Palestras

Palestras
Invista em seu maior patrimônio, Pessoas.